Como sacar saldo bloqueado do FGTS?

O Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) é um direito dos trabalhadores brasileiros que garante uma reserva financeira para momentos de dificuldade.

No entanto, em algumas situações, o saldo do FGTS pode ficar bloqueado e o trabalhador pode enfrentar dificuldades para acessar o dinheiro. Neste artigo, vamos explicar como sacar saldo bloqueado do FGTS.

Entendendo o bloqueio do FGTS

O bloqueio do FGTS pode acontecer em algumas situações específicas, como quando o trabalhador é demitido sem justa causa e tem um contrato de trabalho suspenso por mais de 90 dias.

Nesses casos, o dinheiro fica retido na conta do FGTS até que o trabalhador encontre um novo emprego ou atinja a idade de aposentadoria.

No entanto, é importante lembrar que existem algumas exceções para o saque do FGTS bloqueado, como em casos de doenças graves ou para a compra da casa própria.

Se o trabalhador se enquadrar em alguma dessas situações, ele pode ter direito a sacar o saldo bloqueado do FGTS.

Como sacar o saldo bloqueado do FGTS

Para sacar o saldo bloqueado do FGTS, o trabalhador precisa se dirigir a uma agência da Caixa Econômica Federal com alguns documentos em mãos.

É importante lembrar que apenas o titular da conta pode realizar o saque e é necessário estar com a carteira de trabalho em mãos para comprovar o vínculo empregatício.

Além disso, é necessário apresentar um documento de identidade com foto, o número do PIS/PASEP e o comprovante de residência atualizado.

Caso o saque seja para a compra da casa própria, é necessário apresentar a documentação que comprove a negociação, como o contrato de compra e venda ou a escritura do imóvel.

Outra opção para sacar o saldo bloqueado do FGTS é através do site da Caixa Econômica Federal.

Como sacar o saldo bloqueado do FGTS

Para sacar seu saldo bloqueado do FGTS basta seguir o passo a passo abaixo:

1.    Verifique se o seu saldo do FGTS está bloqueado

Antes de tentar acessar o seu saldo do FGTS, é importante verificar se ele está bloqueado.

O bloqueio pode ocorrer quando o trabalhador é demitido sem justa causa e fica sem emprego por mais de 90 dias, ou quando ocorre uma decisão judicial para bloqueio do saldo do FGTS.

Você pode verificar a situação do seu FGTS através do site da Caixa Econômica Federal ou por meio do aplicativo do FGTS.

2.    Verifique se você se enquadra em alguma das exceções para o saque

Existem algumas exceções que permitem o saque do saldo bloqueado do FGTS, mesmo que o trabalhador esteja sem emprego há mais de 90 dias.

Essas exceções incluem doenças graves, aposentadoria, compra da casa própria, entre outras. Verifique se você se enquadra em alguma dessas situações e se tem direito ao saque.

3.    Reúna os documentos necessários

Para acessar o saldo bloqueado do FGTS, você precisará de alguns documentos, como a carteira de trabalho, o documento de identidade com foto, o número do PIS/PASEP e um comprovante de residência atualizado.

Se o saque for para a compra da casa própria, você também precisará apresentar a documentação que comprove a negociação.

4.    Dirija-se a uma agência da Caixa Econômica Federal

Com os documentos em mãos, dirija-se a uma agência da Caixa Econômica Federal.

É importante lembrar que apenas o titular da conta pode realizar o saque e é necessário estar com a carteira de trabalho em mãos para comprovar o vínculo empregatício.

Na agência, informe que deseja sacar o saldo bloqueado do FGTS e siga as instruções do atendente.

5.    Acesse o site da Caixa Econômica Federal

Outra opção para acessar o saldo bloqueado do FGTS é através do site da Caixa Econômica Federal.

Para isso, acesse o site, informe o número do PIS/PASEP e a senha cadastrada. Em seguida, clique na opção “FGTS” e siga as instruções do site para solicitar o saque do FGTS.

Finalizando, o FGTS é um direito dos trabalhadores brasileiros e pode ser uma importante reserva financeira em momentos de dificuldade.

No entanto, em algumas situações, o saldo do FGTS pode ficar bloqueado e o trabalhador pode enfrentar dificuldades para acessar o dinheiro.

Nesses casos, é importante lembrar que existem algumas exceções para o saque do FGTS bloqueado e que o trabalhador pode solicitar o saque através de uma agência da Caixa Econômica Federal ou pelo site conforme o passo a passo informado.

Deixe um comentário